3

Entre Gonzaguinha e saudades... ;)

Nunca assisti a um show de Gonzaguinha.
Quando ele morreu, eu tinha 14 anos e, no florescer da adolescência, estava ainda descobrindo a beleza revolucionária e amorosa de sua obra.
Ouvir suas músicas foi paixão a primeira vista. Que arte, que força e que trabalho espetacular ele fazia.
Músicas que até hoje me tocam o coração, força que me move em direção a um mundo melhor.
Gonzaguinha fez parte da minha vida. Um dia, até recebi por telegrama ( é, ainda não existiam e-mails como forma massificada de correspondência) um trecho de uma música de Gonzaguinha. Falava de amor, é claro S2
Música faz parte da vida!
E por isso, hoje aqui estou, entre Gonzaguinha e saudades, muitas saudades!!!!!!!

3 comentários:

Manu Paz disse...

É isso mesmo... Música faz parte da vida... Ainda mais música de qualidade. Eu tbm postei algo sobre isso, não sobre Gonzaguinha rsrs, mas sobre música e saudades!!!
Tudo isso revigora a nossa energia de viver!

Abraços

... disse...

Quando Gonzaguinha faleceu acho que eu tinha dezessete ou dezoito anos mas lembro, muito bem, que foi a morte dele nesse plano de coisas que ele nasceu pra mim de verdade, pois a diretora do Colégio Costa e Silva, onde eu estudava, por ser fã dele, em homenagem, pôs no mural vários trechos de músicas...e a força da poesia contida nas canções me emocionaram e abriram meus olhos( e ouvidos) para compreender que perdíamos um artista, sim! Visto que ele não mais iria compor. Mas que já era imortal pela sua obra.

Mariza disse...

Mari, a obra de Gonzaquinha é imortal e isso é revigorante! Eu também gosto muito de suas composições, de sua maneira tão única de interpretá-las(com a alma!!!). Seu post deu saudades mesmo! Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...